• sindalcoata

PRESIDENTE DO SINDALCO PARTICIPA DE ENCONTRO COM GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN

05.04.2016 - Recepcionado pelo presidente da FEQUIMFAR e 1º secretário da Força Sindical, Sergio Luiz Leite, Serginho, e demais integrantes da Diretoria e do Conselho Consultivo da entidade, o governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, esteve na manhã do dia 23 de fevereiro, na sede da Federação dos Químicos, em São Paulo, capital, em visita de cortesia aos Químicos da Força e para formalizar um convite para cerimônia que foi realizada na data de ontem no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, onde sancionou os Projetos de Lei 1404/2015 e 1405/2015, que reduz o imposto sobre circulação de mercadorias do medicamento genérico, o ICMS do medicamento genérico passará de 18% para 12%.

Lideranças sindicais de todas as regiões do estado de São Paulo estiveram presentes no Palácio dos Bandeirantes, na cerimônia oficial para assinatura do decreto que regulamenta a redução do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) de medicamentos genéricos.

O presidente do SINDALCO de Araçatuba, José Roberto da Cunha, participou dos dois encontros com o governador e destacou a importância do projeto. “Sem dúvida é uma grande conquista essa redução de impostos, ficamos felizes e seguiremos lutando juntos em busca de mais conquistas”.

Compuseram a mesa oficial da cerimônia: Sergio Luiz Luiz Leite, o Serginho, presidente da FEQUIMFAR e 1º secretário da Força Sindical, Renato Villela, Secretário da Fazenda do Estado de São Paulo, governador Geraldo Alckmin, secretário do trabalho e emprego, Zé Luiz, e Nelson Mussolini, do SINDUSFARMA.

“Destacamos as conquistas e parcerias da FEQUIMFAR e de seus Sindicatos filados junto ao governo do Estado de São Paulo, desde a luta pelo renascimento do Proálcool e na política de redução da alíquota do ICMS nos segmentos industriais de fabricação do etanol e brinquedos. Ressaltamos também a luta da Federação e seus Sindicatos filiados em defesa do emprego e pela retomada do crescimento econômico e social, em combate à desindustrialização, pela instalação e retorno de empresas ao estado de São Paulo, com a geração de novos e melhores empregos, além da abertura de um espaço permanente de diálogo, sobre os setores de Fertilizantes e Reciclagem.”, disse Sergio Luiz Leite, Serginho, presidente da FEQUIMFAR e 1º secretário da Força Sindical.


Fonte: Assessoria de Imprensa Fequimfar




0 visualização0 comentário